11 de dez de 2012

Garota de LA - Capítulo 10: A Melhor Coisa do Meu Dia


Hey Girls, e a web novela continua...

Era de tarde, quase noite, e eu estava indo até o Studio ver meu resultado da apresentação. Cheguei lá e vi que passei, fiquei muito feliz. Fui buscar meus horários e uma moça da secretária disse que eu teria que fazer mais uma apresentação, pois eram duas etapas.
- Eu vou ter que compor, ou cantar uma música tocando um instrumento? O que vou fazer agora? - Eu dizia para mim mesma, enquanto andava em direção a porta.
Estava frio naquele dia, porque nas férias tinha que estar frio, ou começar o frio? Mesmo eu estando de férias, meu pai não estava, eu quase não o via, pois seu turno no hospital era das 11:00 hs às 23:00 hs. Então como não tinha nada para fazer em casa resolvi o visitar. Chegando lá, ele não estava com pacientes, e já eram 20:10 hs.
- Posso entrar Dr. Brown? - Eu perguntei batendo na porta.
- Claro que pode. Como você esta filha? - Ele perguntou me abraçando.
- Bem.
- Senta. O que foi? - Ele perguntou.
- Eu não tenho mais visto você pai, precisamos tirar um dia só eu e você... - Eu disse meio desanimada.
- Você tem razão. Amanhã vamos sair, ok? Eu peço uma folga.
- Te amo pai! - Eu disse indo o abraçar.
- Bom eu acho que eu já vou.
- Ok. Tchau.
Eu me despedi de Alan e fui em direção a porta. Depois de sair para fora, uma mão segurou em meu ombro. Era o Harry.
- O que você quer? - Eu disse brava.
- Conversar.
- Eu...Não tenho nada para conversar com você. - Me virei e sai andando.
- Por favor, me escuta. Lá no Starbuck's, você deve ter pensado que eu estava com a Mandy, mas não. Um pouco antes de você chegar, ela se sentou ao meu lado e me fez uma pergunta.
- E... qual era essa pergunta?
- Se eu gostava de você. - Eu fiquei em silêncio e abaixei a cabeça.
- E, você respondeu que... - Eu ia falar "não", mas ele me cortou.
- Sim...Porque é verdade. - Ele ergueu minha cabeça, e eu o encarei.
- Vamos tomar alguma coisa, está frio aqui. - Ele disse me abraçando.
Nós fomos até o Starbuck's e Harry me fez dar boas risadas. Liam tinha ajudado meu coração a se animar, mas só Harry poderia conserta -lo.
- Desculpa eu ficar com ciume, é que eu não te via a muito tempo, e achei que você estava saindo com a Mandy.
- Esquece, isso já ta resolvido. - Ele sorriu, e eu também.
- Espera aqui, que eu vou ao banheiro e já volto.
- Ok.
Harry foi ao banheiro, e de repente sentou-se a minha frente Liam.
- E ai, passou no Studio?
- Liam? Hum...Passei.
- Que bom. Você está aqui com quem?
- Com, o Harry.
- Eu já não te falei para ficar longe dele. - Ele se levantou da mesa e ficou de pé ao meu lado.
- Mas ele me faz bem Liam, não posso negar isso.
- E não pode negar que sente algo por ele também?
- É, eu sinto algo por ele.
- E por mim? - Eu fiquei um pouco em silêncio.
- Também, mas, isso não deveria acontecer.
- Liam? - Harry disse chegando junto de nós.
- Fica calmo, eu não vim roubar sua namorada. Só vim perguntar se ela passou no Studio. - Liam disse e foi embora. Eu fiquei encarando Harry.
- O que será que deu nele? - Harry perguntou.
- Eu, eu não sei.
Então Harry me levou para casa.
- Ei, o que você precisa fazer para a próxima etapa do Studio? - Ele perguntou.
- Eu vou ter que compor, ou cantar uma música tocando um instrumento...Vai ser difícil.
- Amanhã vai lá em casa, eu te ajudo.
- Sério? Mas amanhã não dá.
- Então pode ser depois de amanhã? No sábado?
- Pode.
- Legal.
- Obrigada Harry.
Entrando em casa, vi que meu pai não tinha chegado ainda. Fui tomar banho e dormir. Estava cansada demais para esperar Alan. Voltar a falar com Harry foi a melhor coisa do meu dia, posso dizer que estou muito feliz.

Continua...

Nenhum comentário:

Postar um comentário